A Droga da Felicidade

Roleplay :: RPG :: Geral

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Droga da Felicidade

Mensagem por Leggy em Sex Set 13, 2013 11:19 pm

Após vários anos de violência e miséria, o mundo finalmente conseguiu alcançar a paz, tendo em foco apenas a amizade e a felicidade de cada indivíduo... Ou pelo menos é isso que eles querem que você pense.

Foi inventada uma droga que pode ser usada inúmeras vezes, sem efeitos colaterais além da felicidade quase ilimitada. As pessoas, vendo que podiam se livrar de - ou esconder - seus problemas, compraram essa possível solução, que acabou adquirindo tanto valor quanto o petróleo.
Foi aí que aconteceu; uma estranha ditadora que prioriza não o poder, mas o pensamento positivo absoluto, tomou o controle da maior potencia mundial, tendo assim o resto do  mundo em suas mãos. Poucos reclamaram disso. O povo achou sua liderança ótima, afinal, quem não quer um líder carismático e bondoso?
Nem todos.
Existem rebeldes. Seres repugnantes que se escondem nos locais mais escuros e discretos do mundo, planejando algum possível golpe contra a governadora que tanto detestam. Mas por que eles a odeiam? Para início de conversa, ela os caça. Nada deve ser triste. Raiva e ódio não podem existir. Todos aqueles que resistirem á felicidade são considerados o "câncer" da sociedade e então eliminados friamente, a não ser que se rendam. Algo não muito problemático para as pessoas que tomam a droga da felicidade, já que ela os deixa cegos diante de todos os problemas.
Além disso, tem algo sériamente errado por trás disso tudo. Não há dúvidas, existe uma segunda intenção. E existem pessoas determinadas a descobrir e derrubar a ditadura.

Ficha:
Nome:
Sexo:
Idade:
Personalidade:
Aparência: (só pode anime rsrs)
Habilidades: (Não é obrigatório)
Extras:
avatar
Leggy
Admin

Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 20
Localização : space

Ver perfil do usuário http://www.pernalta.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Maggiewoot em Sab Set 14, 2013 1:22 am

Nome: Maggie Bonnaire
Sexo: feminino
Idade: 20
Personalidade: era uma moça muito ativa e sociável. Sempre simpática perto de todos. Talvez simpática não seja o melhor termo... Prefere-se "sem vergonha", já que não se preocupava em falar qualquer coisa.
Porém, depois que sua irmã acabou por ser vítima das atrocidades da droga, ela entrou em choque, e ficou completamente obcecada com a ideia de trazer justiça e acabar com essa monstruosidade que tira as suas pessoas amadas de perto de você. Ficou muito mais séria e concentra-se apenas no que é necessário.
Aparência:
Habilidades: sabe atirar com rifle e revólver, sabe autodefesa, ótimos conhecimentos de robótica e também tem o poder de atirar projéteis de energia cor de rosa (porém não o uso muito).
Extras: eu esqueci as tatuagens dela, mas todo mundo sabe que ela tem um dragão que vai do cotovelo até o pulso enrolado no braço esquerdo dela que muda de tons de amarelo para roxo e uma tartaruga com um sol no casco no braço direito. Ela também anda enfaixada na área dos peitos.
Ela também é a principal líder dos esquadrões de rebeldes.

_________________
avatar
Maggiewoot

Mensagens : 51
Data de inscrição : 01/06/2013
Idade : 19
Localização : O Mundo Mágico da Maskada

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por silver em Sab Set 14, 2013 2:47 pm

Nome: Renato "Silver" Dasareth
Sexo: Não, obrigado.
Idade: 28
Personalidade: Extrovertido, tranquilo, geralmente amigável e naturalmente otimista, é de se perguntar porque Silver precisaria usar a droga da felicidade, se não fosse por suas explosões imprevisíveis de raiva. Ele é meio lento para começar amizades, ou pra qualquer coisa, na verdade, mas é bem mais relaxado sob a influência da droga. No entanto, esta também o faz esquecer que precisa comer e dormir em intervalos regulares e ele vai vários dias trabalhando direto. Afinal, quem precisa dormir, eu estou me sentindo ótimo (:
Habilidades: Silver é excelente com um rifle de sniper, apesar de raramente atirar. Possui mais força física do que aparenta, mas não tem nenhuma resistência a cansaço, dor ou cócegas.
Possui conhecimento em física, química e robótica.
Extras: Silver é um químico do governo. Ele fornece os rebeldes com drogas paliativas modificadas, e age como agente infiltrado dos rebeldes de forma geral. Só que ele não vai colocar o seu couro na linha por eles. E eventualmente vai atirar em um com um rifle de sniper e comer o fígado. Mas não, serinho, ele é aliado dos rebeldes. (:
Ninguém realmente o chama de "Renato" e ele provavelmente se esquece que esse é o nome certo na maior parte do tempo. Boa aparência e boatos maldosos à parte, Silver é o virgem mais virgem a jamais virginar.
Aparência:
avatar
silver

Mensagens : 46
Data de inscrição : 31/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por vih em Sab Set 14, 2013 8:42 pm

Nome: Victoria Rizal
Sexo: Feminino
Idade: 17?? 18?? 19??
Personalidade: Arrogante e egocêntrica, não consegue admitir que ninguém esteja acima que ela, principalmente essa tal ditadora que resolveu dopar todo mundo para fazer o mundo ficar todo cor-de-rosa. É rude com a maioria das pessoas, porque elas não são fodas o suficiente pra falar com ela lol. Sempre está desafiando tudo e todos, pois, novamente, ela é mais pica grossa que todo mundo (mais pica grossa que as pessoas que tem pica).
Tem como objetivo principal tirar o controle da ditadora hiperativa e controlar a porra toda ela mesmo (porque ela é a única que tem capacidade de fazer tal trabalho) e vingar a sua querida irmãzinha, que quer resgatar a qualquer custo porque, conforme ela, sente muita falta da presença dela (na verdade ela só quer pegar o resto da alma dela, mas falar coisas sentimentais fazem ela ser aceita mais facilmente na sociedade).
Habilidades: Ela não é boa com armas de fogo, mas consegue dominar bem armas brancas e coisas do tipo (como bastões, por exemplo, ela ama bastões).
A Vic também por algum motivo misterioso consegue sempre cair de pé, e isso é coisa de satanás (aka ela mesma).
Aliás, o bicho também consegue recolher almas de algumas gente, tipo a Juh. :³
Extras: Se autodenominou líder dos rebeldes e está realmente se fudendo para o que os outros pensam sobre isso. 2bjs vou pra festa.
Aparência:

( Ela se fode toda correndo dos caras que caçam elas, então ela coloca band-aids com coraçãozinhos e coisas fofas porque ela acha muito legal e maturo u_u )

_________________

It's hard to be a queen when you're a god damn cat. ♛





avatar
vih

Mensagens : 71
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 17
Localização : inferno

Ver perfil do usuário http://vihkun.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Juh em Dom Set 15, 2013 11:28 am

Nome: General Julliet Redfield, Docemente apelidada de Juh.
Sexo: Feminino
Idade: 16
Personalidade: Juh está normalmente sob o efeito da droga, apesar da personalidade feliz e alegrinha porém por efeito da mesmas ela costuma a ser violenta um pouco acima do normal. Mas sem o efeito da mesma Julliet é uma garota timida e pouquinho attention Whore. Diz a lenda que ela é só tem 1/4 da alma e o resto está com sua irmã.
Aparência:


Habilidades: Como ela é Militar Julliet é muito boa com armas de fogo em geral, e também ela tem um certo histórico com bruxaria.
Extras: Depois
avatar
Juh

Mensagens : 3
Data de inscrição : 30/05/2013
Idade : 17
Localização : Universo Paralelo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Dom Set 15, 2013 2:57 pm

Nome:Mahra Aysha Halid
Sexo:Mulher, Feminino, bola com cruz pra baixo.
Idade: 22
Personalidade:  Ela gosta de conversar, e é participativa mas é um pouco direta, e não muito emotiva, o que pode torna-la muito chata. Ela é bastante irritável, qualquer coisa a irrita, e isso normalmente fica bem aparente. Mas é uma pessoa legal, e totalmente normal. Como seu antigo trabalho era obedecer, ela não vê problemas nesse aspecto, mas odeia ser desobedecida.


Aparência:Ela tem cabelos castanhos e pele morena. Tem descendência indiana, o que faz seu  fenótipo ser bem característico. Olhos verdes, e grandes. Magra e um pouco "forte".
Habilidades: Ela tem habilidades com várias armas, mas suas preferidas são as pistolas. A pesar de ser forte, esse não é seu ponto forte (rsrsrs) . Ela é bastante ágil e "leve". Devido a seu antigo trabalho sabe um pouco de estratégia. É uma sniper considerável.
Extras: Ela fazia parte do grupo de combate aos rebeldes, mas depois de ter contato e conhecer as suas causas ela viu que eles tinham a razão e se aliou a eles. Mahra se desligou dos combatentes e declarou guerra aos ditadores, e assim como todos os rebeldes foi/é perseguida.


Última edição por Neseni em Sab Set 28, 2013 7:39 pm, editado 2 vez(es)

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Leggy em Ter Set 17, 2013 9:22 pm

Nome: Leggy R. Bonnaire
Sexo: Feminino
Idade: 22
Personalidade: Energética e incrivelmente otimista, como esperado da soberana de um mundo feliz. Não quer que ninguém carregue pensamento negativo consigo, por isso pretende eliminar os rebeldes um por um, até conseguir o mundo perfeito que deseja. Muitas pessoas(que ainda tem consciência) a consideram fria e um tanto assustadora por nunca tirar o sorriso satisfeito do rosto, mesmo quando está dizendo algo como "Executem-no".
Habilidades: Tem vários dons que vem da metade robótica. O mais característico são suas mãos brilhantes cor-de-rosa que mudam de forma :³
Extras:
-Fala rápido e sem pausas, tendo alguns problemas de fonética por causa da sua parte robô.
-Por ser soberana, existem vários rumores sobre ela. Alguns dizem que ela não usa a droga da felicidade, enquanto outros espalham que ela corre em seu sangue constantemente, sem necessidade de reabastecimento. Claro que ambos são bobagem.




Nome: WK, AKA Overloaded Z. Não, ela não vai revelar o nome tão cedo.
Sexo: Não é masculino.
Idade: 21
Personalidade: Ela tenta parecer misteriosa e assustadora o tempo todo(o que chega a ser um tanto irritante, ás vezes), mas na verdade é só uma criatura sem objetivos procurando por algo divertido pra fazer. Ela sofre um tipo de bipolaridade, tendo mudanças de humor repentinas. Efeito colateral para alguém que já exagerou ao ingerir a droga da felicidade. Z é bem preguiçosa, mas não reclama ao seguir ordens(bem, na verdade, isso depende do que for pedido).
Habilidades: Não sabe nada de útil que possa ser utilizado em combate, mas como poucos conhecem sua identidade, pode passar por qualquer canto sem ser identificada como uma rebelde.
Extras: Já foi viciada na droga, mas passou por devido tratamento feito em segredo por sua família.



Última edição por Leggy em Sab Set 28, 2013 9:01 pm, editado 1 vez(es)

_________________

pernaltas pernalteiam pernalteando pernaltices pernálticas
avatar
Leggy
Admin

Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 20
Localização : space

Ver perfil do usuário http://www.pernalta.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Leggy em Sab Set 28, 2013 7:29 pm

Estava no topo do mundo.
Ou era assim como gostava de pensar, quando se sentava naquela cadeira - que adorava chamar de "trono" -  e dava ordens aos seus "súditos", que obviamente a obedeciam sem hesitar. Lembrava até um certo alguém, que agora deveria estar se coçando de inveja. Precisava eliminá-la o quanto antes, já que a boba obviamente nunca iria aceitar se juntar ao poder do governo amigável. Bem. Pior pra ela. Não queria que seus amigos fossem mortos, mas se eles não querem aliar-se, o que mais poderia fazer? Entristecer-se por eles? Nem morta.
Tinha que limpar o mundo, e faria o que fosse necessário para que isso acontecesse.

_________________

pernaltas pernalteiam pernalteando pernaltices pernálticas
avatar
Leggy
Admin

Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 20
Localização : space

Ver perfil do usuário http://www.pernalta.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Sab Set 28, 2013 8:03 pm

Nome:Imad Halid
Sexo:Macho
Idade: 20
Personalidade:  Divertido, extrovertido, galã, simpático e super socialvel! Gosta de conversar e de falar (ele fala demais!). Detesta os rebeldes por que acha que eles fizeram algum tipo de "lavagem cerebral" na sua irmã Mahra para faze-la mudar de lado. E espera fazer o que for preciso para "traze-la a razão" novamente. Ele é bem afeminado.
Aparência:Ele tem cabelos castanhos e pele morena. Tem descendência indiana, o que faz seu  fenótipo ser bem característico. Olhos verdes, e grandes. Magro e franzino.  " />
Habilidades:  Não é bom com armas de fogo, mas carega um pistola consigo para emergências. Ele trabalha na parte de estratégia ao lado dos ditadores.
Extras: : Em seu tempo livre pensa em maneiras de trazer Mahra de volta Isso está deixando ele louco.


Última edição por Neseni em Sab Set 28, 2013 8:09 pm, editado 1 vez(es)

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Maggiewoot em Sab Set 28, 2013 8:08 pm

A porta de metal abriu com um estrondo altíssimo. O próximo som a ser ouvido na extensa sala eram das botas longas que eram forçadas ao chão com força, que respondia com mais barulhos altos que ecoavam pela sala perfeitamente silenciosa. Era como se a base inteira tivesse se calado para a chegada triunfal da comandante das tropas.
Maggie andou até o centro do quarto e virou-se para o grande grupo de pessoas ali reunidas, posicionadas em perfeitas filas retas e milimetricamente separadas.
A moça limpou a garganta e começou, aos gritos para que todos a ouvissem.
- Soldados. Nossas últimas operações foram uma grandíssima merda. Quero que parem para pensar o porque de estarem aqui. Por que estão arriscando suas vidas aqui? Hein? Por quê? É porque vocês querem salvar a humanidade da traiçoeira "felicidade"? Porque não me parece isso! - falava, aumentando cada vez mais a agressividade em suas palavras - me parece que vocês são um bando de criancinhas mimadas que estão brincando com arminha! Se estão aqui pra preencher aquele tempinho livre que vocês tem, podem criar vergonha na cara e saírem desse lugar agora mesmo! Vai estar fazendo um favor à humanidade! - ela deu uma pausa para respirar fundo.
- Os esquadrões anti-droga tem que ser unidos e confiar uns nos outros. Se eu não posso confiar no meu próprio grupo para vencer uma porra de uma batalha como é que nós queremos mudar o mundo?! - explicou - as pessoas contam conosco! Ainda existem pessoas que entendem nossa luta! Elas confiam em nós! Se não confiarmos em nós mesmos, estamos completamente fodidos - falava com raiva, como se tivesse sido forçada a explicar pela quinquagésima vez algo que era extramente óbvio.
- Esses são os principais problemas no grupo! Parem de ser filhinhas de papai e amadureçam! Entendam que causar conflitos internos por motivos de merda só acabam com uma merda maior ainda! E mais uma coisa: vocês estão aqui para lidar com qualquer situação. Eu não vou tolerar mimimi de gente que acha que estamos tomando medidas muito drásticas o que não teve o que fazer. Sempre tem uma saída, nem que você tenha que morrer ou matar por isso. O governo está cagando pra vocês! Cagando baldes! Querem mesmo que vocês se fodam! Então nem venham com frescura pra cima de mim, isso é passagem direta pra morte.
Depois do discurso, a garota parou para respirar. Estava falando com tanta intensidade que respirava pouco enquanto botava os problemas em vista. Mas era o que se tinha que fazer. Se ninguém percebesse o que estava acontecendo, nunca iriam resolver.
- Eu chamei vocês aqui e falei isso tudo não só porque eu estava preocupada com nosso rendimento, mas também porque está na hora de começarmos a bolar um plano melhor. Isso significa que vamos planejar uma grande operação, uma operação maior e melhor. A maior e a melhor que já fizemos!

_________________
avatar
Maggiewoot

Mensagens : 51
Data de inscrição : 01/06/2013
Idade : 19
Localização : O Mundo Mágico da Maskada

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Sab Set 28, 2013 8:38 pm

Mahra

Em uma daquelas filas, mais atrás, imóvel estava Mahra, ouvindo o discurso, analisando cada palavra proferida pela lider. Esta parecia preocupada. E com razão, o desempenho geral estava sendo insatisfatório. E não podia continuar assim. As batalhas estavam cada vez mais complicadas, as vidas entrando em maior risco.
Mas um plano grande levará tempo, e isso é algo raro atualmente.

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por vih em Sab Set 28, 2013 8:54 pm

(
IT BEGINS)


A garota rosnava consigo mesma em um canto isolado do cômodo cheio de seus queridos camaradas, que conseguiam ser tão inúteis quanto um lápis-de-cor branco. Sentiu uma leve sensação de que alguém estava pensando nela, acompanhada de inveja tremenda daquela maldita ditadora que estava completamente de bem com a porra da sua vida, controlando milhares e milhares cabeças-de-vento obedientes, enquanto ela, Victoria Rizal, tinha que aturar um bando de incompetentes. Lindo.
Ao escutar a porta de metal rangir, sabia que várias palavras de tom agressivos iam ser atiradas como balas de um fuzil em direção á todos que estavam naquela sala. Seus olhos imediatamente se fixaram na jovem de cabelos curtos e cor-de-rosa que acabava de adentrar a sala, e como deduzido, começava um discurso sobre o quanto eles eram horríveis. Mesmo não tendo simpatia pela querida (injustiçadamente) líder dos rebeldes, não podia discordar com aquela afirmação.
Quando o tedioso discurso - que ela nem atenção prestou direito - finalmente acabou, pela graça do Senhor, os olhos da moça de cabelos castanhos longos e bagunçados reviraram. Ela daria um discurso muito melhor, ah se daria. — Já acabou, Bonnaire? — perguntou, daquele jeito zombeteiro que nunca conseguia se separar dela, ao mesmo tempo que saltava da cadeira que estava sentada e parava perto da menina que antes dava uma bronca nas pessoas que ali estavam paradas, colocando uma de suas mãos na cintura. — Você vai dizer pra nós limparmos os nossos quartos agora? E estudarmos para a prova da semana que vem? — continuou, inclinando seu corpo um pouco para frente e abrindo um pequeno sorriso mordaz. — Sério, a gente já escutou isso, tipo, vinte vezes. Já pode parar de fazer esse falatório todo que dá um puta de um sono que a gente vai tentar fazer melhor da próxima vez, viu? — completou.

_________________

It's hard to be a queen when you're a god damn cat. ♛





avatar
vih

Mensagens : 71
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 17
Localização : inferno

Ver perfil do usuário http://vihkun.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Maggiewoot em Sab Set 28, 2013 9:15 pm

Maggie nem se importou em virar seu rosto para Victoria. Havia uma época que as duas se rosnavam o tempo inteiro e sempre acabavam em discussões. Parecia que o que quer que Maggie fizesse, Victoria discordaria, mesmo que tivesse sido a coisa certa. Com o tempo, a líder notou que a moça era só encrenca e passou a desconsiderá-la como parte do grupo. E ela só liga para quem é do seu grupo.
- Tanto eu quanto vocês sabemos que eu nunca fui a estrategista mais esperta daqui. Então não imaginem que eu, sozinha, vou criar o plano mais bem elaborado e fodão pra gente sair daqui, executar e ganhar a copa do mundo ou algo assim - ela explicou, relaxando mais o seu corpo de uma maneira descontraída - então eu preciso que alguém aqui que seja bom com planejamento me ajude nessa tarefa. Voluntários?

_________________
avatar
Maggiewoot

Mensagens : 51
Data de inscrição : 01/06/2013
Idade : 19
Localização : O Mundo Mágico da Maskada

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Sab Set 28, 2013 9:32 pm

Mahra

Até aquele momento o clima estava tenso, todas as pessoas ali sabiam da discórdia que havia entre a líder e a rebelde rebelde demais, e ninguém parecia querer interferir.
O pedido de estrategistas feito pela líder pareceu mexer com Mahra, ela tinha pouco conhecimento na área,mas já era algo.
"Estou a disposição" Disse se levantando da cadeira, e erguendo o braço pra que fosse localizada. "O pouco de mim que sabe de estratégia quer ajudar".

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Maggiewoot em Sab Set 28, 2013 9:44 pm

Maggie fitou a moça que havia se voluntariado. Era uma soldada dedicada que sabia o que estava fazendo, a comandante podia até dizer que gostava da garota, mas ela não tinha certeza se Mahra realmente tinha potencial para trabalhar com uma operação que vai ser de risco enorme para todo o grupo de rebeldes, afinal, vai movimentar o quartel inteiro.
- Eu não quero incertezas, essa operação vai ser enorme e vai movimentar todos os rebeldes. Você tem certeza absoluto que está apta para isso? - Maggie questionou, levantando uma sobrancelha duvidosa para a menina.

_________________
avatar
Maggiewoot

Mensagens : 51
Data de inscrição : 01/06/2013
Idade : 19
Localização : O Mundo Mágico da Maskada

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Sab Set 28, 2013 10:00 pm

Mahra

Aquela pergunta a pegou de surpresa, achava que a ajuda ia ser aceita na hora, sem objeções. Isso a deixou irritada. Mas ponderou, não podia ter desavenças com a líder, é um tempo em que a união é o melhor caminho.
Respirou fundo e disse
"Certeza, é uma palavra forte. Não sei o suficiente sobre estratégia, não o quanto gostaria de saber" Ela parou por um minuto, baixando a cabeça para pensar.A irra era perceptível em sua voz, mas ela lutava para controlar. "Mas se minha ajuda for necessária estou pronta a servir, Mas se for de seu cunho ,líder, eu abdico da posição."

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Maggiewoot em Sab Set 28, 2013 10:22 pm

- Estude mais e depois venha falar comigo - Maggie disse - não vou dizer que não quero sua ajuda, eu sei que você é capaz de ir atrás se realmente quiser ajudar. Mas agora, no estado que está, prefiro não me arriscar - com isso, encerrou o assunto com a garota. Sabia que Mahra podia sim se aplicar mais na área de estratégia se estivesse interessada, e, se a moça se aplicasse, seria uma grande ajuda.
Maggie voltou a escanear a sala toda, em busca de mais alguém que se voluntariasse para a posição.

_________________
avatar
Maggiewoot

Mensagens : 51
Data de inscrição : 01/06/2013
Idade : 19
Localização : O Mundo Mágico da Maskada

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Leggy em Sab Set 28, 2013 10:30 pm

Z-chan uwu
Observava a troca de palavras em uma parte mais populada, porém quieta, da sala enquanto mantia um sorriso branco de excitação. Era sempre assim; ela sabia que eles iriam todos perder, mas sempre ajudava como poderia. A garota de cabelos azuis nunca foi de se destacar entre o grupo. Céus! Qualquer um naquele local era mais útil que ela. Mas pro inferno com isso, ela queria participar da movimentação. Mas só falaria no momento certo.
Passou os olhos verde-azulados pela sala, fitando a jovem cuja arrogância havia sido ignorada pela líder antes de desviar a atenção para a conversa que a mesma movimentava com a moça de cabelos castanhos.

_________________

pernaltas pernalteiam pernalteando pernaltices pernálticas
avatar
Leggy
Admin

Mensagens : 67
Data de inscrição : 29/05/2013
Idade : 20
Localização : space

Ver perfil do usuário http://www.pernalta.tumblr.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Neseni em Sab Set 28, 2013 10:40 pm

Mahra

"Assunto encerrado" Pensou. Voltou a se sentar. Observando as pessoas se oferecerem a ocupação do cargo.
Pensou no irmão, "Ele era bom com esse tipo de coisa."

Imad

Mais alguns minuto e já estaria sendo liberado. O último ataque dos rebeldes foi fraco e sem propósito. Estranho, eles deveriam estar mais preocupados com seus combatentes, estavam perdendo membros, e atacando o que parecia ser algo sem um objetivo. "Você precisa pensar como eles Imad!" E pronto, sua cabeça voou para lembranças da irmã. "Será que ela estava bem? Claro que não, aqueles rebeldes devem pagar, Mah estava bem ANTES disso acontecer!"
Não percebeu adiantadamente, mas ele falou isso alto demais, acabou por assustar os seus "colegas'' de trabalho. Olhos de todos os cantos da sala o fitavam.

_________________
Neseni
avatar
Neseni

Mensagens : 36
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Lugar nenhum

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Droga da Felicidade

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Roleplay :: RPG :: Geral

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum